domingo, 11 de novembro de 2012

Lá fui eu de novo...

Eu te amo.
Mesmo negando.
Mesmo deixando você ir.
Mesmo não te pedindo prá ficar.
Mesmo não olhando mais nos teus olhos.
Mesmo não ouvindo a tua voz.
Mesmo não fazendo mais parte dos seus dias.
mesmo estando longe, eu te amo.
E amo mesmo.
Mesmo não sabendo amar.
CAIO FERNANDO ABREU