quinta-feira, 25 de julho de 2013

Workaholic/ essa era pra ser publicada e ficou escondida aqui nos rascunhos, é de dois anos atrás, mas vale a pena, o passado não deve ser esquecido

Gente, que coisa terrível é não trabalhar; do mesmo jeito que é difícil não ter tempo, é difícil ter...
Tanto reclamei da falta de minutos que Deus me deu horas... e horas...só que a angústia e o barulho na cabeça continuam...não sei se pela frustação ou se pela falta de chão mesmo...trabalho a noite desde 1994...e agora??? O que fazer???
Meus filhos estão amando e estranhando ao memso tempo, criaram sua própria rotina de solidão e agora não sabem como me encaixar muito menos eu... me adaptar à rotina deles, estranho...
Saudades do marido, longe prá cara#*!, cama vazia, fria...sem ninguém prá discutir de lado vou dormir...
Ah meu Deus!!!!!! O senhor espera muito de mim!!!! Ainda tenho que manter o bom humor prá não pirar de vez...sinto falta de não sei o quê ,não sei daonde...Ô criaturinha ranheta eu sou...
Tanto tempo agora e não sei o que fazer com ele...
Acho que vou estudar medicina, kkkk

Tô brincando...

Nenhum comentário: